5 frases de filósofos que nunca foram ditas

Imagem: filosofia em "Os Simpsons"

Imagem: filosofia em “Os Simpsons”

É comum vermos por aí citações falsas, atribuídas a filósofos para um “status do quem-disse”. A Superinteressante publicou essa seleção e resolvi compartilhá-la – e ao final acrescentei frases falsamente atribuídas a Hipatia de Alexandria.

1- “Só os mortos conhecem o fim da guerra”, atribuída a Platão
O culpado: o comandante militar norte-americano Douglas MacArthur, filho de um dos grandes heróis da Guerra da Secessão. Em um discurso nos anos 1960, o militar atribuiu a frase a Platão. No entanto, as palavras foram escritas pelo filósofo, poeta e ensaísta espanhol George Santayana no livro Solilóquios na Inglaterra, de 1922. Pouco após o fim da Primeira Guerra Mundial, Santayana escreveu: “E os pobres coitados acham que estão a salvo! Eles acham que a guerra acabou! Apenas os mortos viram o fim da guerra”. Nada a ver com o nosso filósofo grego.

2- “Creio porque é absurdo”, atribuída a Santo Agostinho
O culpado: a mania de tentar resumir o pensamento dos filósofos em uma frase. Antes de ser colocada na boca de Agostinho de Hipona, a frase havia sido atribuída a Tertuliano, autor romano das primeiras fases do Cristianismo. Esse caso curioso de reatribuição de citação tem a ver com a valorização da fé expressa pelos dois pensadores cristãos, que declaravam crer em coisas que parecem incríveis, como a ressurreição de Cristo. O problema é que tentaram resumir as ideias de ambos através de uma sentença curta que não aparece explicitamente nas obras de nenhum deles. O mais próximo que Tertuliano chegou disso foi quando disse “E o Filho de Deus morreu, o que é crível justamente por ser inepto; e ressuscitou do sepulcro, o que é certo porque é impossível”.

3- “Deus está morto”, atribuída a Nietzsche
O culpado: a descontextualização. Aqui, o problema não é a frase, mas o conceito atribuído a Nietzsche. O mal-humorado filósofo alemão de fato diz isso: a frase apareceu pela primeira vez em A Gaia Ciência e está também em sua famosa obra Assim falou Zaratustra. Mas as palavras têm sido muito mal interpretadas. Nietzsche não se referia à morte literal de Deus nem à morte de Jesus Cristo, e essa não era uma simples declaração de ateísmo. Logo em seguida, o filósofo completa: “Deus permanece morto! E quem o matou fomos nós!”. Ele queria dizer que a humanidade havia deixado de ter Deus como força ordenadora do mundo e fonte de valores. Com a morte de Deus, ele metaforiza a morte dos valores sagrados para os homens. Esse tipo de mal entendido é comum quando se fala em Nietzsche. O seu hábito de efetivamente utilizar máximas e aforismos agressivos em seus livros acabou por transformá-lo em um pensador muito citado e pouco compreendido. E suas máximas, mesmo quando citadas corretamente, muitas vezes se perdem: o que para o pensador alemão era sobretudo uma provocação, para muitos se torna uma verdade incontestável e guia para a vida, no mais puro e estilo autoajuda.

4- “Os fins justificam os meios”, atribuída a Maquiavel
O culpado: a tentativa de simplificar a ideia de O Príncipe. A mais famosa frase atribuída a Nicolau Maquiavel nunca foi dita por ele. Trata-se de uma tentativa de condensar a ideia de sua obra O Príncipe, em especial do capítulo 18, em que aparecem os trechos: “Um príncipe (…) não pode observar todas as coisas pelas quais os homens são chamados de bons, precisando muitas vezes, para preservar o Estado, operar contra a caridade, a fé, a humanidade, a religião. Aqui, “preservar o Estado” refere-se aos fins e “operar contra a caridade etc…” é interpretado como utilizar quaisquer meios. No mesmo capítulo, Maquiavel ainda diz: “Nas ações de todos os homens, especialmente nas dos príncipes, quando não há juiz a quem apelar, o que vale é o resultado final”. É uma simplificação bem empobrecedora.

5- “Se Deus não existe, tudo é permitido”, atribuída a Dostoiévski
O culpado: o filósofo francês Jean-Paul Sartre. Desta vez, o filósofo foi o culpado, e não a vítima, de uma atribuição incorreta. No texto O existencialismo é um humanismo, Sartre diz: “Dostoiévski escreveu: ‘Se Deus não existisse, tudo seria permitido’. Eis o ponto de partida do existencialismo”. O escritor russo de fato inspirou os existencialistas, mas ele nunca disse isso. O mais próximo disso, que está em Os Irmãos Karamazov, é: “[…] é permitido a todo indivíduo que tenha consciência da verdade regularizar sua vida como bem entender, de acordo com os novos princípios. Neste sentido, tudo é permitido […] Como Deus e a imortalidade não existem, é permitido ao homem novo tornar-se um homem-deus, seja ele o único no mundo a viver assim”.

6 – Bônus – Frases de Hipatia de Alexandria

Algumas citações circulam por aí como se fossem de autoria de Hipátia, mas devo ressaltar que não são. A autoria é de Elbert Hubbard, escritor estadunidense que, no seu livro Little Journeys To The Homes Of Great Teachers, as “colocou na boca” da filósofa neoplatônica. Uma vez que não existem cópias dos escritos de Hipátia, não podemos com segurança atribuir-lhe qualquer citação. Exemplos:

“Compreender as coisas que nos rodeiam é a melhor preparação para compreender o que há mais além”
“Todas as formas religiosas dogmáticas são falaciosas e não devem ser aceitas por auto-respeito pessoal.”
“Reserve o seu direito a pensar, mesmo pensar errado é melhor do que não pensar.”
“Ensinar superstições como verdades é uma das coisas mais terríveis.”
“Governar acorrentando a mente através do medo de punição em outro mundo é tão baixo quanto usar a força.”

Todas elas são de Elbert Hubbard, e não de Hipátia.

Um pensamento sobre “5 frases de filósofos que nunca foram ditas

  1. marcos outubro 21, 2014 às 1:56 pm Reply

    eu li os irmaos karamazov e, pelo menos na traducao para o portugues, a frase atribuida a Sartre está lá.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: