“O cadáver foi envolto em gelatina azul e congelado a -71 graus Celsius”, explica o vídeo. “Um macrotome criogênico com design personalizado foi usado para remover seções de um milímetro do bloco duro como uma pedra, revelando fatia por fatia a beleza e detalhes do seu interior. Depois de cada passo, fotografias digitais de alta resolução de cores eram tiradas do bloco restante”.

No total, 1.878 imagens foram registradas e exibidas em sucessão rápida para mostrar a estrutura interna do corpo humano.

Levando isso um passo adiante, o usuário do Reddit thealphamike criou o GIF usando Phototoshop e After Effects, e o resultado final é um pouco mais explícito e bastante perturbador. O vídeo completo de como o GIF foi feito (em inglês e incluindo mais reconstruções internas do corpo) está abaixo: